Saúde da População Negra: o que esperar do próximo governo?
Negros possuem taxa de mortalidade maior que brancos no Brasil. Foto: Paula Fróes/Governo da Bahia.
Negros possuem taxa de mortalidade maior que brancos no Brasil. Foto: Paula Fróes/Governo da Bahia.

Atualmente, a retomada da saúde da população negra à pauta nacional, por si só, já é uma nova conquista, que novamente indica a capacidade política do movimento negro no Brasil. Com essa retomada, espera-se renovar o fôlego para reativar a PNSIPN como política pública atenta à necessidade de ação afirmativa. Tanto o GT de Saúde quanto o de Igualdade Racial do governo de transição têm demonstrado esforços nesse sentido e merecem ser vistos com bons olhos, dado que dentre os representantes desses grupos há pessoas comprometidas historicamente com essa agenda tão cara à população brasileira.

Leia o artigo completo no blog Saúde em Público, da Folha de S. Paulo.