Cátedra Çarê-IEPS participa do lançamento do Núcleo de Estudos Raciais do Insper
Rony Coelho, pesquisador do IEPS, representa a Cátedra Çarê-IEPS no lançamento do Núcleo de Estudos Raciais do Insper. Foto: RODNAE Productions/Pexels
Rony Coelho, pesquisador do IEPS, representa a Cátedra Çarê-IEPS no lançamento do Núcleo de Estudos Raciais do Insper. Foto: RODNAE Productions/Pexels

A Cátedra Çarê-IEPS, iniciativa do Instituto de Estudos para Políticas de Saúde (IEPS) e do Instituto Çarê, terá um representante no evento de lançamento do Núcleo de Estudos Raciais do Insper, que acontece no dia 18 de novembro, das 9h às 17h, na sede do Insper em São Paulo. O evento é gratuito e as inscrições podem ser realizadas aqui. Rony Coelho, pesquisador do IEPS e membro da cátedra, participa da mesa “Persistência histórica da desigualdade racial” ao lado de pesquisadores e professores da instituição.

Segundo Rony Coelho, a criação do núcleo acontece em momento oportuno e com o potencial de fortalecer a agenda de pesquisas empíricas sobre a população negra brasileira. “Os debates teóricos sobre a questão racial no Brasil avançaram muito nas últimas décadas, mas, ainda existem grandes lacunas a serem preenchidas em relação às pesquisas empíricas, que são fundamentais para entender a realidade concreta da população negra e propor políticas públicas com impacto social”, explica Rony Coelho.

“As consequências das desigualdades raciais atravessam as pessoas negras nas mais diversas dimensões da vida, incluindo as condições de adoecimento e morte. Para o IEPS e para Cátedra Çarê-IEPS é uma satisfação enorme contribuir com o debate trazendo para o centro da discussão questões sobre desigualdades raciais na saúde”

Rony Coelho, pesquisador do IEPS e integrante da Cátedra Çarê-IEPS

A participação do pesquisador no evento reforça a importância de incluir no debate as questões que envolvem a saúde da população negra no Brasil. Para Rony Coelho é imprescindível que o debate racial leve em consideração os impactos do racismo na saúde. “As consequências das desigualdades raciais atravessam as pessoas negras nas mais diversas dimensões da  vida, incluindo as condições de adoecimento e morte. É fundamental que haja uma abordagem interdisciplinar, como o evento de lançamento do Núcleo propõe, para avançarmos na compreensão dos múltiplos impactos das desigualdades raciais na vida de pessoas negras. Para o IEPS e para cátedra é uma satisfação enorme contribuir com o debate trazendo para o centro da discussão questões sobre desigualdades raciais na saúde”, enfatiza o pesquisador. 

O evento de lançamento do Núcleo de Estudos Raciais do Insper contará com a presença de cientistas, pesquisadores, jornalistas e formadores de opinião que têm se debruçado sobre a temática racial no país. Durante o evento também serão  apresentadas algumas contribuições realizadas pelos pesquisadores associados ao Núcleo e a agenda de pesquisas que serão realizadas futuramente. A programação completa do evento pode ser conferida aqui.

Lançamento do Núcleo de Estudos Raciais

Quando: 18 de novembro às 9h
Local: Auditório Steffi e Max Perlman (Rua Uberabinha, s/n – Vila Olímpia – São Paulo)
Inscrições aqui