Governo contribuiu ativamente para propagar vírus
Trabalhador médico segura frasco da vacina indiana Covaxin contra a Covid-19 em um centro de saúde primário em Hyderabad. Foto: Noah Seelam/AFP
Trabalhador médico segura frasco da vacina indiana Covaxin contra a Covid-19 em um centro de saúde primário em Hyderabad. Foto: Noah Seelam/AFP

O escândalo da Covaxin incendiou a CPI. Natural: as denúncias são graves e devem ser devidamente investigadas. Parece que finalmente o clamor dos senadores governistas, que lamentavam que a CPI não versasse sobre corrupção, foi devidamente atendido com uma gravíssima denúncia envolvendo o governo federal. Mas a corrupção, por mais repugnante que seja, não pode ofuscar algo muito mais importante: a vida.

Leia o artigo completo do diretor executivo do IEPS, Miguel Lago, na coluna “A hora da ciência na CPI”, no site do jornal “O Globo”